ODS-06
Água limpa e saneamento

Garantir disponibilidade e manejo sustentável da água e saneamento para todos

Indicadores relacionados
  • Filtrar por ODS

  • Filtrar por tag

  • Presença de sólidos suspensos totais em efluentes nas operações industriais, em toneladas

    Temas Materiais Relacionados

    Mudar visualizacão:

    • wdt_ID Presença de sólidos suspensos totais em efluentes nas operações industriais por unidade, em toneladas 2019 2020
      1 Suzano 703,52 640,56
      2 Rio Verde 14,00 16,99
      3 Limeira 376,32 677,20
      4 Jacareí 2.164,73 2.210,23
      5 Imperatriz 280,25 306,38
      6 Mucuri 1.078,18 681,34
      7 Aracruz 911,43 1.309,69
      8 Belém 23,93 76,54
      9 Maracanaú (Fortaleza)¹ 0,15 0,17
      10 Três Lagoas 1.987,40 544,83
    1. A Unidade Maracanaú (Fortaleza) não fabrica celulose e nem papel de forma que os efluentes são lançados diretamente em rede da concessionária pública conforme os padrões requeridos, em quantidade muito inferior às demais unidades.

    Informações complementares:

    Em 2020, houve uma redução de 14,3% na carga de sólidos suspensos nos efluentes lançados, em relação a 2019. O resultado acontece mesmo com o aumento de produção de 9,9% no mesmo período, concentrado principalmente nas Unidades Imperatriz, Mucuri e Aracruz. Isso mostra a excelente eficiência do sistema de tratamento primário das Estações de Tratamento de Efluentes da Suzano.

    Em termos específicos (kg de sólidos suspensos totais por tonelada de produto), a Suzano teve redução significativa de 21% em relação a 2019. Os resultados estão na faixa de referência dos padrões internacionais estabelecidos pelo IPPC (Integrated Pollution, Prevention and Control 2015 – European Commission), que aponta como melhores desempenhos resultados entre 0,6 a 1,5 kg/t.