Cadeia de Valor (fornecedores e clientes)

Entendimento das necessidades e potencialidades de nossos clientes, com o propósito de oferecer produtos e soluções sustentáveis, por meio de um relacionamento que privilegia vínculos de longo prazo. Gestão de fornecedores em conformidade com os critérios socioambientais da companhia, visando ao desenvolvimento de fornecedores locais e à redução de impactos adversos em toda a cadeia de valor.

Indicadores relacionados
  • Filtrar por categoria

  • Filtrar por tag

  • Fornecedores críticos

    Contexto:

    Fornecedores críticos são os fornecedores de itens controlados para a aquisição (insumos, matérias-primas e serviços) com potencial de gerar impactos significativos na capacidade e qualidade dos produtos, desempenho de processos, na segurança e integridade de equipamentos, no meio ambiente, na saúde e segurança dos colaboradores.

    Anualmente, aplicamos a avaliação de desempenho aos nossos fornecedores críticos. A nota final da avaliação resulta no Índice de Desempenho de Fornecedores (IDF), com base nos seguintes requisitos:

     

    • Qualidade técnica: pontualidade, qualificação técnica, estruturação de processos e suporte técnico;
    • Segurança: desempenho em saúde e segurança ocupacional, diálogo de segurança e equipamentos de proteção individual;
    • Meio ambiente: processos operacionais, ocorrências e impactos ambientais; e
    • Social: impactos sociais e respeito aos Direitos Humanos.

    Mudar visualizacão:

    • wdt_ID Fornecedores críticos 2019 2020¹
      1 Número total de fornecedores críticos 389 458
      2 Porcentagem de fornecedores críticos (em relação ao total de fornecedores) 4% 4%
      3 Porcentagem do total de compras gasta com fornecedores críticos 22% 41%
      4 Total de fornecedores críticos (nível 1 e não nível 1) avaliados² n/d 393
      5 Total de fornecedores com alto risco de sustentabilidade avaliados² ³ n/d n/d
    1. Em 2019, logo após a fusão que deu origem à Suzano S.A., não dispúnhamos de uma metodologia harmonizada para a obtenção do número de fornecedores críticos da empresa, bem como para avaliação dos fornecedores dessa categoria. Isso fez com que os números reportados no ano não representassem a totalidade desses fornecedores. Entretanto, no ano de 2020, o conceito de fornecedor crítico foi unificado, assim como o processo de avaliação de desempenho de fornecedores foi harmonizado, o que justifica o aumento do número de fornecedores no período. 2. Os indicadores passaram a ser reportados em 2020 e, portanto, não possuem o histórico de 2019. 3. Em 2020, não foi realizada a matriz de risco socioambiental, a partir da qual são avaliados riscos dessa natureza. Temos como meta implementá-la em 2021, ano a partir do qual conseguiremos apresentar tais resultados.

    Informações complementares:

    Além das ações das quais a Suzano dispõe para a gestão adequada de todos os seus fornecedores (conforme descrito no indicador “Gestão de fornecedores”), medidas distintas são previstas para garantir um bom relacionamento da empresa com fornecedores críticos e a redução dos riscos de geração de impacto por parte deles.